the bomb that will bring us together

Ontem, 3 anos desde os atentados terroristas no metrô de Londres.

Ainda lembro do começo da lua de mel há 3 anos atrás, chegando em Heathrow cheia de animação e planos e encontrando uma mulher no banheiro do aeroporto que, cheia de tato, avisou a mim e à Juliet (amiga do Respetivo que havia sido testemunha do casamento e viajava conosco) que Londres estava sendo "bombardeada" por terroristas, com gente morta pra todos os lados. Lovely. E então tivemos que pôr Juliet num carro e levá-la até Tunbridge Wells em Kent, casa de uma amiga, já que todo o sistema de transporte da cidade estava paralisado. Começo literalmente explosivo e inesquecível para um casamento...

Mas valeu a pena porque tivemos que passar a noite em Kent, ficamos nessa pensãozinha simpática e estava rolando uma apresentação de "Sonhos de uma Noite de Verão" ao lado, que pudemos assistir da janela (sem pagar, hoho):

Não trocamos presentes de aniversário de casamento. Nem em praticamente nenhuma ocasião, como natal, dia dos namorados, aniversários... Não que eu ache errado dar presentes, mas é que, nessas "datas especiais", sair pra comprar algo para alguém se torna uma coisa tão mecânica e sem graça.

Esse ano eu escolhi o nosso destino, para compensar o fiasco alemão do ano passado. Ah, você não sabe qual foi o fiasco alemão do ano passado? Vou contar: eu aceitei ir comer porco assado no espeto (porque ele gosta), porém o restaurante:
a) estava lotado;
b) era ao ar livre;
c) chovia e fazia frio;
d) não havia porco no cardápio, naquele dia específico, e
e) ele errou o caminho de volta e fomos parar, de TREM, numa área meio sinistra e desconhecida da cidade.

Então, munida do DIREITO ADQUIRIDO de fazer as coisas do meu jeito, escolhi o Salty Dog Bistrô em St Aubins bay, que sempre recebeu criticas favoraveis da "imprensa culinaria" de Jersey. Well, meu veredito: achei o lugar meio moderninho, demais (decor, staff e clientela), e a comida tentando ser algo especial, sem muito sucesso. Nao que fosse ruim, mas nada realmente inesquecível. E o meu risoto estava sem sal. E restaurantes moderninhos nao colocam saleiro na mesa, ja que, para eles, isso é o equivalente a pedir pra por açúcar no vinho ou catchup na pizza. Mas a minha sobremesa, Jersey Blackbutter & Banana Pudding, tava uma dilicia, thanks.

O que sobrou do meu pudding:

Patricinhas barulhentas se espremendo em frente ao espelho do banheiro. Sem chance de conseguir escovar os dentes, como eu pretendia. Pessoas de mais de 25 anos, deixem a ficha cair, por favor: a vossa adolescência acabou. Dar gritinhos e risadas histéricas em banheiro de restaurante, ou na frente do restaurante, ou dentro do restaurante, ou em qualquer lugar não-privado é nada menos que ridículo. E ao invés de fazer vocês parecerem jovens e cheios de vida, só faz com que pareçam velhos e patéticos.

Ah, sim - não lavar as mãos depois de usar o banheiro é problema de vocês. Não será o meu almoço que será contaminado pelos seus micróbios. MAAAAS esquecer de (ou não ligar para) dar a descarga depois de usar o banheiro é triste, gatas. Tipo, outras pessoas podem querer usá-lo depois de vocês. E ser obrigada a contemplar a urina alheia (sem mencionar o cheiro) não está na minha lista de deveres para com a sociedade.

Saint Aubins é uma graça, porém acabei esquecendo de levar a máquina e fiz apenas algumas fotos com o celular. Pretendo tentar andar da rodoviária até Saint Aubins qualquer semana dessas.

Os "aniversariantes":

A situação pluvial:

O vinho tinha o meu nome. :) E mais tarde, no pub, o sol finalmente abriu.

Brastemp they're not, mas pra uma câmerazinha vagabunda de 2MP, de celular, até que as fotos não são de se jogar fora, né?

E foto nada-a-ver com o tema, mas estava jogada no celular e achei que saiu legal (ok, rolou um post processing pra deixar a cor mais bonitinha, mas puramente estético - não precisei "consertar" nada):

Praia de Saint Brelade, primavera. Cindy brincando na areia.
Em breve, se tudo der certo, ela vai ir brincar nas praias de Málaga.
Good luck, little one.

No comments