I'm turning japanese

Resultado de uma hora (e £30) na Japan Centre? Doces, revistas, livros, papel de origami (detalhe: eu NÃO SEI fazer origami), bento boxes. O Japão é logo ali.
















Sem mencionar Chinatown. 500 mil lojas (ok, leve exagero, aqui) comercializando tralhas orientais. Compro pela fofice irresistível das embalagens e nem tenho vergonha de admitir. Afinal, fofas são. Corro pela loja pulando e emitindo gritinhos, sendo observada de perto por meia dúzia de pequenos olhinhos orientais, se perguntando que tipo de substância alucinógena estou usando.

Eu totalmente devia ter nascido japonesa.

O melhor Pocky é o de leite. Banana é OK, assim como o de morango. A versão salgada eu não gostei. Há um biscoito chamado "collon" que tem gosto de biscoito barato recheado de morango. Os chicletes são muito ácidos. Mas as balinhas Peko e os biscoitos em forma de vaca são FODAS.

Tem açúcar GRITANDO nas minhas veias agora, mas a gente só vive uma vez.

No comments

Os comentários são moderados para evitar spam. ♥