at the supermarket.

Pink lemonade! Sempre achei lindo, sempre quis fazer, nunca tive saco de fazer purezinho de fruta pra misturar com o suco de limão. Achei essa para vender na Marks & Spencer outro dia; era a última garrafa da prateleira e enfiei na cesta tão rápido que acabei quebrando um ovo que estava dentro dela. Haha.


Levei para casa, gelei, pus no copo, fiz a foto (que cor linda!), bebi e... Bleargh. Gosto ruim da p...

Nem tudo foi insucesso, entretanto; achei essa latinha super simpática da Hello Kitty que tinha o tamanho perfeito para carregar na bolsa meus analgésicos de estimação (tenho enxaqueca leve e ocasional e cólicas infernais); chega daqueles blisters feios que viviam abrindo e espalhando comprimidos pela bolsa! De quebra, ganhei chocolates (o recheio da latinha). Que eu não como, porque não gosto.





Usei-os para decorar outra compra daquele dia: essa inacreditavelmente boa mini-torta com recheio de maçã e creme fraiche. Depois, Respectivo comeu os chocolates. E eu, metade da torta. Tem jeito, não.

Random Love

Persephone Books - uma editora dedicada a "ressuscitar" livros fora de circulação, escrito por mulheres e para mulheres. Romances, contos, diários e livros de culinária; todos unidos pelo mesmo design, a capa cinza com etiqueta creme e tanto a lombada quanto as contra capas revestidas com papéis cuja estampa imita tecidos da época em que o livro foi escrito ou que tenha algo a ver com a história (cada um dos 83 títulos tem um papel diferente). Só eu achei lindo e quero vários?


Sapatinhos da Imporium - Virtualmente impossível não se apaixonar pelos pisantes dessa loja: infelizmente (para MIM, claro) a marca é brasileira e tem lojas para as sortudas cariocas em Ipanema, na Barra, na Tijuca e em Niterói. Eles também têm botas e acessórios e a lojinha parece linda; vão lá e se acabem por mim, meninas.






Geléias e purês de fruta incríveis da Mrs Leyel's - cereja e licor, maçã e amora, marmelada de três frutas, ruibarbo + limão + gengibre, amora + pimenta + vinagre balsâmico, ruibarbo e morango... Tudo isso em embalagens coloridas e com carinha de vintage. Já está com água na boca? Eu fiquei, comprei, e o vidro acabou tão rápido (usei como recheio de um bolo) que nem tive tempo de fotografar.


As fotos dessa menina - ou as fotos que fazem dela. Confesso que não sei se entendi. Mas não importa: o álbum é uma delícia, divertido e coloridíssimo (bom uso do photoshop e muito humor).



O cabelo, as roupas e tudo-o-mais da Gala Darling; ela parece ter saído diretamente da prancheta da Tarina Tarantino, toda em pink e girlie attitude. Adoro o modo como ela recicla e modifica roupas compradas em lojas populares como a Forever21 e as transforma em peças únicas (taí o Flickr dela com mais fotos).




As faixas de cabelo da Head Case, no Etsy - Confesso que meu saco está enchendo rápido dessa moda de faixinhas de couro para cabelo, com dez entre dez patricinhas desfilando o mesmo acessório pela noite. Mas ahá, elas não são tão bonitas como essas aqui:


E agora é hora de vestir o macacão e ir pintar a minha summer house (parecida com essas, mas não igual) que está quase pronta. Estou feliz por ter mais este cantinho para decorar e encher de flores; como se eu já não tivesse bastante... Em breve volto com fotos do processo!

brand new shoes

Uma das coisas mais difíceis por aqui é encontrar sapatos sem salto que sejam bonitos, interessantes e de boa qualidade. Os ingleses parecem assumir que apenas adolescentes que vão às compras com a mixaria da mesada OU vovós pensionistas usam "flats", e que adultas só querem saber de saltos de 15cm ;infelizmente isso é verdade na maioria dos casos.

Nas lojas de departamento, sapatilhas são invariavelmente baratas, sem graça e feitas de material vagabundo OU têm cara de sapato de avó. Não é surpresa que mais da metade dos meus sapatos sem salto foram comprados na Alemanha e na França, onde as meninas acreditam que sapato pra ser bonito não tem que exigir que a pessoa fa;a cursinho de equilibrista.

Daí não acreditei quando vi essas mary janes na NEXT:




Em geral detesto sapato branco (que não seja tênis), mas essa sapatilha é exceção. O couro é de excelente qualidade, bem molinho e eu adoro os detalhes: costura lateral, flores perfuradas e bordadinho à máquina. Confortável e interessante: bingo. :)

flora de verão

O calor que estava levando o povo à loucura (não passou de 30 graus...) pelo jeito acabou. Na semana passada tivemos chuva quase todos os dias, o que não é bom para fotografar, mas as plantas no jardim agradecem. O verão ainda está no meio e parece já querer ir embora; typical! Mas as dálias não querem nem saber e começaram a florir loucamente:







"Alguém" passou por aqui. Lesma ou inseto? Preciso de agrotóxicos. :)









Lagarta "se divertindo" no meu pé de nectarina. Foi devidamente removida e disposed of.



As frutas não parecem muito bem; culpa da infecção fungal que detonou a árvore logo que a plantei. Continuo tratando, talvez no ano que vem eu consiga comer uma nectarina (que é o resultado do cruzamento entre pêssegos e ameixas vermelhas) do quintal.



Dálias "pom pom". Rainhas absolutas do jardim.



Há uma quantidade enorme de dálias por aqui, de vários tipos diferentes. Todas herdadas com a casa e requisitando zero cuidados; desaparecem completamente no inverno e brotam da terra assim que o verão começa a pensar em ir embora. A única coisa a fazer é remover as flores assim que murcham ou cortá-las para decorar vasos; quanto mais se corta, mais flores nascem.

Também gosto quando os dentes-de-leão começam a invadir o gramado nessa época, logo depois que as margaridinhas e buttercups vão embora. Eu sei que é preciso cortar a grama para evitar que tudo se transforme numa selva, e que os dandelions são considerados uma praga. Mas eu tô pouco me lixando pro status aristocrático das flores; sou fã incondicional dos dentes-de-leão, cow parsley e margaridinhas do campo.





Quem disse que é preciso ter "pedigree" pra ser decorativo?



(bem, pelo menos eu acho bonitos)

Mint Green, by Barry M

Eu estava querendo testar o novo esmalte verde da Chanel, mas como não faço idéia se ele já foi lançado ou não e nem se chegaria aqui (provavelmente não), me joguei no "similar", o Mint Green da Barry M:



Adoro os esmaltes dessa linha; são baratinhos, a durabilidade é excelente, as cores são incríveis e sempre em cima das tendências (o primeirão da foto aí embaixo é a cópia exata do Blue Satin da Chanel, hit absoluto há algum tempo atrás, e custando uma fração do preço):


Veredito? Ainda não posso me manifestar porque não testei o original, mas agora nem sei se preciso. Já tenho o meu verdinho-tendência do verão, a preço de banana. :)

Tea Time.

Como dizem os ingleses, "Se você tem frio, o chá vai lhe aquecer. Se estiver com calor, vai lhe refrescar. Se estiver deprimido, vai lhe animar. Se estiver muito agitado, vai lhe acalmar".

Eu não consigo pensar em nada que seja mais tipicamente inglês do que uma xícara de chá. E uma senhorinha dizendo às visitas em qualquer ocasião (seja uma celebração ou uma má notícia): "I'll just go and put the kettle on".



{yen}



{tea and muffins} (via bitterlemons)



Tea’s ready (via _Bonnie_)



Afternoon Tea (via fleamarketstudio)



happiness is… English breakfast tea in my favorite teacup (via rebecca lily)



Tea for one (via digitalgopher)



Tea for Two (via mngc)



tea for two II (via petite_noire)



Set to a Tea (via Kimberly Shaw Graphics)



cuppa tea (via mikefranklin)



Tea-time - shot with modern Sonnar (via jsuominen)



Anti-gravity Tea ll (via Nika Fadul)



You can never get a cup of tea large enough or a book long enough to suit me (via bianks)