That was the week that was















1. Biscoitos poloneses. Têm mais cara de bolo, custam meio caro mas eu não consigo resistir sempre que encontro.
2. Achado de charity shop; eu provavelmente não vou testar as receitas porque o forno dessa casa é uma porcaria e queima tudo antes de assar, mas fica no acervo de wishful thinking para um futuro distante onde eu terei de novo uma casa no campo, uma Aga e vontade de assar bolos.
3. Tentativa falha de fazer uma monstrinha de feltro; a carinha simpática não me deixa jogá-la jogar fora. Vou manter como voodoo doll, porque né, vai que um dia eu encontre uma loira baixinha e cabeçuda que precise aprender uma lição.
4. Vignettes domésticas.
5. Her Meowjesty teve uma semana ótima, comendo melhor e tomando sol no jardim, no carpete do meu quarto e na sua poltrona predileta. Thankful for this mercy.
6. Na mesma deli polonesa de onde vieram os biscoitos encontrei rice crisps - ou como as crianças da minha geração chamavam, “cocô de rato”. Comprei pela nostalgia (foram muitas tardes de 27 de Setembro subindo e descendo ladeiras atrás de doces de Cosme e Damião) mas revisitá-la decepcionou: eles não têm gosto de nada.
7. Luz matinal. Depois de semanas de chuva, céu nublado e baixas temperaturas, what a delight. ♥


- O exagero das festas infantis brasileiras (discutam, pfvr).
- Baby frida kahlo.
- Diadorims anônimos nos 60 anos de grande sertão veredas.
- Quando um casal decide ficar junto pra sempre.
- Orkestra obsolete toca Blue Monday com instrumentos de 1930.
- Everytime you break my heart - Madonna (demo de 1986).
- Egg bread. Quero.
- Qual a idade do seu ouvido?
- Tênis de cherry blossoms. ♥
- Fãs de Star Wars: you gotta see this shit.

No comments