Like a cat in a bag, waiting to drown


image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

estamos enterrando o outono aqui, uma abóbora de cada vez; algumas delas fake, outras virando sopa nesse fim de semana. acabei de voltar de uma roadtrip (áustria, alemanha, alsácia) onde comi meu peso em bolo (o peso aumentou - preciso então de mais bolo) e fiz um monte de fotos ruins que em breve despejarei no vosso feed. estou destruída de cansaço, cancelei a micro festinha de halloween que daria para os meus (2.5) amigos aqui em casa e nem eu aguento mais ver essa decoração outonal na varanda - entrou tudo na caixa de papelão essa tarde e amanhã enfurno no sótão. it’s octOVER, kids; oficialmente permitido começar a pensar no natal.

experimentar o cronut do mês no dominique ansel já virou uma tradição. outubro foi a vez de banana jam + oatmeal ganache. um dos melhores até agora, mas podia ter mais geléia de banana. o ganache de aveia era tão bom que eu comeria puro. aproveitei e trouxe dois kouign amann para o café da manhã. na mesma rua a fachada de halloween da peggy porschen (arranjos florais, caveiras douradas e abóboras em tons pastel) tinha fila de instapattys para fazer selfie - i kid you not, eu quase fui atropelada porque no afã de achar o melhor ângulo pra fotografar a colega uma delas acidentalmente pisou no meu pé e eu tropecei em direção à rua.

passei na camera city e deixei minha velhota lá para limpeza. comprei canetas, washi e outro caderninho A6 na muji de oxford; a loja estava fazendo um sorteio de duas passagens pra tokyo e eu me cadastrei; fingers crossed. ♥ encontrei S em tottenham court station e lanchamos no wasabi ao lado. passei no garden center onde comprei três heathers para plantar na floreira de janela que algum dia farei e decidimos jantar no rodízio; como sempre acontece aos sábados à noite o lugar estava superlotado, o que afeta o serviço já que eles servem as mesas maiores primeiro. tomei uma caipirinha gostosa, mas que parecia ter sido feita com sprite. talvez tenha sido feita com sprite. who cares.

ontem lembrei que já faz vinte e quatro anos desde que o river phoenix morreu de overdose no halloween and boy, do i feel old as fuck porque lembro de ter ficado vagamente triste na época pensando na fragilidade estúpida da vida e editando o discurso moralistinha anti-drogas que eu faria para o menino de quem eu secretamente gostava - e que aspirava mais pó que o black & decker da minha mãe. he’s still alive, though, and so am i, jovens senhores de pouca moral com o PROERD. e ele me manda um zap cômico fazendo alusão ao halloween de 1993 enquanto eu comia os milkyway que as crianças rejeitaram no meu cestão de doces e a FM mental ficou rodando o resto da noite aquela música deprimente e meio cafona (porém chiclete) do verve:

all this talk of getting old, it’s getting me down my love
like a cat in a bag, waiting to drown
this time I’m comin’ down

and i hope you’re thinking of me as you lay down on your side
now the drugs don’t work, they just make you worse
but I know I’ll see your face again.

No comments

Os comentários são moderados para evitar spam. ♥