Nice things about the snow.























eu sei que muitas pessoas não gostam de neve e lamentam as inconveniências de locomoção, transporte, escolas fechadas, supermercados que não conseguem receber produtos, ambulâncias que não conseguem chegar aos pacientes, etc. eu sei que tenho o privilégio de morar numa área em que neva apenas moderadamente (ninguém precisou estocar comida em casa nem ficou ilhado, como aconteceu em vários povoados). é fácil apreciar a neve se você pode ficar em casa e assistir pela janela ou em caminhadas planejadas pelas redondezas. ou seja, tô sabendo que esses dias foram um imenso pé no saco pra muita gente enquanto eu ficava aqui sendo poética e waxing lyrical, mas nem tudo é sofrimento, confusão e gritaria; eis uma listinha de coisas bacanas proporcionadas por uma boa snowfall:

- proper cold. aquele “frio” que na verdade é apenas sensação térmica baixa por causa da (interminável) chuva fina? argh. sair porta afora e sentir a sua pele arder? hell yes. temperaturas glaciais duram pouco aqui e eu me dividi entre clausura com gostosuras e eventuais mãos pra fora da janela aberta, just to feel the loveliness.

- light. minha sala, geralmente uma caverna escura, parecia iluminada por refletores de estádio de futebol. o pouco sol que consegue passar por entre as nuvens reflete na neve e espalha uma claridade suave, porém intensa. melhor luz pra selfies, inclusive.

- silence. a neve amortece os sons, então mesmo com a janela aberta eu não conseguia ouvir o barulho dos carros na rotatória super movimentada que temos no bairro (a bem da verdade minha área é silenciosa, eu não estou muito perto da estrada e você precisa espichar as orelhas pra ouvir qualquer coisa normalmente - mas enquanto a neve estava aqui eu não conseguia ouvir nada mesmo, o que foi interessante).

- feeding wildlife. alimentar pássaros e esquilos é uma coisa que nós fazemos sempre, em todas as estações, mas é especialmente gratificante saber que estamos fazendo algo de útil por eles nesse momento de escassez.

- emptiness. as ruas e lojas ficam mais vazias porque o incentivo pra sair de casa usando todas as suas roupas ao mesmo tempo ou arriscar frostbite tem que ser muito grande. entendo que o comércio não deve ficar muito satisfeito, mas pra mim as calçadas desprovidas de gente já são incentivo o suficiente para ir bater perna.

- chimneys. ver fumaça saindo das chaminés e sentir o cheirinho de lenha queimada durante as suas caminhadas matinais. ♥

- knowing the rules: não pule na neve sem saber o que está embaixo dos seus pés. não caminhe sobre a neve cinza. não coma a neve amarela.

- the world is a giant snow globe. e eu sou uma criança de oito anos tentando sacudir todos os globos da prateleira da loja ao mesmo tempo. SNOW STORM, weee!

No comments

Os comentários são moderados para evitar spam. ♥