Grey on grey on grey.



Zerei a contagem de items na cor vermelha deste armário. Grey on grey on grey.



Também limpei e guardei as louças que ficavam nessas prateleiras e agora elas vão abrigar livros (faltam dois hardbacks do Bill Bryson ali). Coloquei um pouco de verde em volta para trazer um pouco de cor e vida, já que esse cantinho é a primeira coisa que se vê ao entrar na minha casa.







A casa de bonecas (que eu achei descartada no lixão municipal) mudou de lugar umas três vezes até encontrar seu lar definitivo (?) nesse cantinho, que ficou vazio quando eu mudei o bureau para o quarto de hóspedes (depois de ter mudado o gaveteiro para o barracão... ufa!). Não gosto da mesa onde ela está apoiada; talvez eu garimpe um gaveteiro no Ebay para pôr no lugar.

And behold minha bela sopeira francesa:





Andei um tempão atrás de uma dessas, sem sucesso. Foi uma das poucas coisas que eu comprei na caríssima feira de antiguidades de Sunbury, e reclamando ainda por não ter conseguido fazer o cidadão me vender por menos de18 libras (preço original era £20). Na verdade foi um bm preço por uma peça única e antiga; no Ebay eu não estava achando nada por menos de £35, por mais comum que fosse. Resukt!



Próximo passo é pintar a sala e decidir se o console ali fica mesmo dessa cor. *corre das pedradas*

1 comment

  1. eu nem tomo chá mas me dá muita vontade de tomar na tua casa viu haha ♥

    ReplyDelete